Pular para o conteúdo principal

EX PM E AGORA BMDF PODE SER A RENOVAÇÃO POLÍTICA NA SEGURANÇA PÚBLICA DO DF

Foto:Bombeiros DF - Hamilton Silva
Wando Lobato

As eleições serão esse ano e todos estão procurando se organizar. De candidatos avulsos a grupos organizados, todos não querem perder tempo, principalmente diante de um cenário que promete muitas mudanças e renovações.
Pensando nisso, um segmento de bombeiros militares, oriundos do concurso de 2011, resolveu se unir para definir um nome que possa se encaixar não só nos projetos para as categorias militares, mas também voltado para os interesses da população do DF.
    A escolha passou por várias etapas, nas quais mais de 27 nomes  do concurso de 2011 foram colocados na mesa. A priori, o nome escolhido precisava ser um nome novo, que não tivesse nenhum vínculo com a prática da velha política, dos políticos de ofício, buscando assim a aguardada renovação política castrense.
Após três meses de intenso debate o nome de Wando Lobato foi o escolhido para representar as categorias. Com quase 17 anos de militarismo divididos entre exército, Polícia Militar de São Paulo e Corpo de Bombeiros do Distrito Federal, o consenso ficara estabelecido.
Wando Lobato estreou na carreira militar servindo na Polícia do Exército em março de 2002; dentro do Exército ele teve uma grande ascensão chegando a graduação de sargento em 2 anos. Em 2005 realizou o concurso para a Polícia Militar de São Paulo e, de um total de 85 mil inscritos, ficou classificado entre os 300 primeiros, concluindo o curso de formação na 16ª colocação. Após o curso ele foi trabalhar no Capão Redondo/SP, um dos lugares mais perigosos para se morar, segundo a ONU.
No seu primeiro dia de serviço como PMSP, conseguiu pegar uma ocorrência que foi reconhecida como destaque do mês, proporcionando a medalha de quinto grau da PMSP.
Durante o tempo que ficou na Polícia Militar ele realizou o curso técnico em Segurança Pública e graduou em Administração, como também se especializou no Choque e curso de Moto Rocam de São Paulo.

Em 2011 realizou o concurso para o Corpo de Bombeiros do Distrito Federal, obtendo 296º lugar na classificação, o que lhe garantiu o direito de participar do Curso de Formação de Praças (CFP B de 2012). Desde então, tem se destacado nas funções nas quais é empregado. No CBMDF realizou cursos de APH e motociclista operacional (um curso operacional extremamente difícil de se concluir no CBMDF).
    A escolha de Wando pela comissão formada por militares do concurso de 2011para pré-candidato, vem com o propósito de uma representação forte e organizada administrativa e politicamente, onde seja possível lutar por melhorias a todos os militares do DF, independente de postos ou graduações, com o lema de que “Juntos Somos Mais Fortes”.
Houveram muitas questões institucionais que Wando Lobato teve participação com apoio da comissão de 2011, como alterações em portarias e até mesmo no planejamento estratégico da corporação. E entre as conquistas que ele ajudou a conseguir, juntamente com a comissão de 2011 estão: A redução de interstícios (o que ajudou o CBMDF colocar uma praça com 5 anos na graduação de Sargento) e a elaboração do Decreto dos sub judices, o que possibilitou a inserção de mais de 500 militares do CBMDF e cerca de 700 na PMDF.
Com espírito agregador, Wando sempre esteve presente nos momentos importantes e decisivos para os integrantes da corporação, agindo sempre de maneira discreta e apoiado pela comissão de 2011, sem, no entanto, se desvencilhar de sua real capacidade de liderança e articulação. Por não carregar consigo o egocentrismo que muito presenciamos em pré-candidatos no atual cenário, ele chega para somar. Em suas palavras, Wando afirma que caso a maioria da tropa não opte por seu nome, não hesitará em abrir mão de sua candidatura em prol daquele que for o escolhido pelo Ideal Coletivo (Grupo Político existente dentro da corporação que definiu as últimas representações). “O importante é termos voz na Câmara Legislativa e não passarmos pelo fracasso que foram os últimos 4 anos”, afirmou Wando.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Notícias do Planalto Central

Simbologia  A imagem (foto) marcante e mais simbólica da semana foi sem dúvida nenhuma a do governador Ibaneis Rocha na Ceilândia cercado de políticos "peso pesados" da Capital. Ladeado de Flávia Arruda (PL) o encontro sinaliza para uma aliança sólida neste ano de 2022.  'Puliça' O encontro de Ibaneis foi no reduto mais cobiçado da Capital, a Ceilândia (maior colégio eleitoral do DF), onde a foto fala mais do que qualquer palavra. O anfitrião,   o delegado Fernando Fernandes estava com sorriso de orelha a orelha com apoio e prestígio. O delegado deverá se filiar ao partido Republicanos com a benção de Ibaneis.  Volta à Cena O empresário e ex-senador  Luiz Estevão que agora goza de liberdade volta aos pouquinhos à cena política e parece já influenciar definitivamente alguns poucos  políticos da Capital, principalmente os distritais. Luiz tem política nas veias e participou discretamente de algumas "confras" ao lado da esposa Cleucy.   Decisão Fraga erra na tá

Coluna: Notícias do Planalto Central

Ex-governador Rollemberg Marketing reverso Na última semana de 2021, antes de assumir sua candidatura a deputado federal o ex-governador Rodrigo Rollemberg publicou um vídeo em que dizia do quanto dá trabalho cuidar das suas bezerrinhas. Fico imaginando o quanto é trabalhoso cuidar do seu curral eleitoral . Em tempo: no vídeo o político aparece todo sujo de esterco. Carnaval Atendendo a oração de muitos e mais ainda ao avanço de uma outra onda do vírus chinês o governador Ibaneis Rocha(MDB) cancelou o Carnaval de rua no DF. Ontem o vice Paco Britto anunciou não descartar um novo lockdown. "Saúde acima de tudo!"   Evangélicos Viver um paradoxo real é também ato de fé, na proporção em que a falta de Carnaval faz mal ao comércio e ao turismo da cidade, a pandemia do vírus chinês também faz mal à população deixando um rastro de pobreza (desemprego) e morte . O discurso dos evangélicos com referência ao fechamento das igrejas precisa encontrar um ponto de convergência ou

Coluna: Noticias do Planalto Central

Recesso Depois de duas semanas de folga a coluna Notícias do Planalto Central volta no mesmo ritmo da Câmara Legislativa: com muita leitura e atento aos movimentos dos deputados. Assim como muitos deles sedento por informações, já que estão com a boca fechada e não abrem por nada. Nesta fase de negociações os segredos devem ser preservados.  Busca por um partido Nesta toada de observações muitos distritais estão desesperados por um "lugar ao sol". Explico: Muitos dos que hoje são deputados não o serão no próximo verão. Mas não é só por causa das novas regras, a tal clausula de barreira e sim porque muitos dos excelentíssimos deixaram a desejar e são muitos ruins mesmo.  Mulheres Este colunista discorreu a relevância das mulheres nas próximas eleições e destaquei aquelas que irão concorrer à uma vaga de deputada federal. Leia lá .  O jogo muda completamente quando falamos das mulheres na Câmara Legislativa do DF. As distritais que hoje ocupam duas cadeiras poderão ficar ainda