ROLLEMBERG PERDE DIREITO DE USAR FUNDO CONSTITUCIONAL

Governador Rodrigo Rollemberg
O Tribunal de Contas da União determinou que a União passe a gerir o Fundo Constitucional do Distrito Federal, verba destina às áreas de segurança pública, saúde e educação.

São quase 13 bilhões que o Rollemberg vai deixar de gerir.

Com a medida, o GDF perde boa parte de sua autonomia sobre essas áreas estratégicas.
Era tudo o que Rollemberg não queria. Ainda cabe recurso na decisão proferida.
Um duro golpe na gestão do PSB.

Fonte: Blog do Dr. Guilherme Pontes
Postar um comentário
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial