Pular para o conteúdo principal

Dia Histórico, dos Brasileiros

Nossa economia, nossa saúde, nossa educação, nossa política, nossa família ou namorados, tudo parece ter perdido importância nessa data. Todos as atenções e olhos estavam direcionados para a TV.Todos os brasileiros e significativa parcela da população mundial estavam prestando atenção em nosso país, não por causa da roubalheira, não por causa de alguma violação dos direitos humanos, não por causa da fragilidade de nossa economia, mas o que chamou atenção de todos foi um esporte que domina o gosto de todo planeta terra, o futebol.Passamos todo o dia 12 de junho inseridos numa expectativa e ansiedade que contaminou os meios de comunicação inclusive a internet.

A pergunta é quantos milhões de dólares envolveram tamanho evento? De forma direta é até possível de calcular, mas de forma indireta mais de três bilhões de pessoas do planeta se deixaram, por algum instante, estar no meio de tanta empolgação e prestaram atenção no que acontecia naquele lugar em São Paulo, portanto impossível de se ter um número exato.

A tristeza veio em meu semblante quando nossa maior autoridade não teve a oportunidade de participar mais efetivamente da festa que seria do povo. Eleita pelo povo ela foi execrada por uma platéia acima das classes C,D,E, uma classe que elege e que transforma uma nação. São Paulo é o motor do país, da nação, mas infelizmente vimos e ouvimos urros e gritos de repúdio e desaprovação de pessoas que fazem da nação um grande potência econômica fora dos  campos de futebol e que se demonstraram desrespeitosas e sem educação.

Infelizmente vimos nossa maior autoridade sendo desrespeitada e exposta da forma mais pequena (vaias), uma pena, pois a nossa gradeza, a nossa riqueza passa em todos os patamares da sociedade, eclesiástico, acadêmico etc. Deveríamos mostrar o quanto respeitamos e valorizamos nossa cultura e nossa soberania, entretanto, por responsabilidade da presidenta e de alguns irresponsáveis não podemos extravasar nossa alegria e gritar bem alto o quanto amamos o futebol e honramos nossas autoridades.

Respeito às autoridades pressupõe honra e francamente não deveríamos agir da mesma forma que eles, autoridades políticas, responsáveis por esse evento sempre agiram conosco povo brasileiro. Deveríamos agir de forma diferente prevalecendo a educação que nos dispensaram por longos anos e e a civilidade que nunca tiveram com nosso tesouro e riquezas.

Uma pena, a Copa do Mundo começou com uma festa apática e "cinza", sem alegria, pois ali o povo não estava representado. Breve e sem empolgação um festa sem discurso e sem uma estrela com a grandiosidade do evento, mas tenho certeza que os envolvidos na execução tiveram o privilégio de ofertarem o seu melhor. Nem merece menção pela falta de criatividade e sem brilho.

Por fim quero lembra que muitas manifestações foram alvo da truculenta policia porque não objetivavam uma indignação pacifica como grandes revolucionários transformaram o mundo (ex: Jesus e outros) objetivaram, esses não perdiam o foco, sabiam a que vinham. Diferentes desses mascarados, baderneiros o verdadeiro revolucionário dá sua face como seu maior crédito para a transformação.

Um abraço querido leitor e acredite dias melhores virão 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Notícias do Planalto Central

Simbologia  A imagem (foto) marcante e mais simbólica da semana foi sem dúvida nenhuma a do governador Ibaneis Rocha na Ceilândia cercado de políticos "peso pesados" da Capital. Ladeado de Flávia Arruda (PL) o encontro sinaliza para uma aliança sólida neste ano de 2022.  'Puliça' O encontro de Ibaneis foi no reduto mais cobiçado da Capital, a Ceilândia (maior colégio eleitoral do DF), onde a foto fala mais do que qualquer palavra. O anfitrião,   o delegado Fernando Fernandes estava com sorriso de orelha a orelha com apoio e prestígio. O delegado deverá se filiar ao partido Republicanos com a benção de Ibaneis.  Volta à Cena O empresário e ex-senador  Luiz Estevão que agora goza de liberdade volta aos pouquinhos à cena política e parece já influenciar definitivamente alguns poucos  políticos da Capital, principalmente os distritais. Luiz tem política nas veias e participou discretamente de algumas "confras" ao lado da esposa Cleucy.   Decisão Fraga erra na tá

Coluna: Notícias do Planalto Central

Ex-governador Rollemberg Marketing reverso Na última semana de 2021, antes de assumir sua candidatura a deputado federal o ex-governador Rodrigo Rollemberg publicou um vídeo em que dizia do quanto dá trabalho cuidar das suas bezerrinhas. Fico imaginando o quanto é trabalhoso cuidar do seu curral eleitoral . Em tempo: no vídeo o político aparece todo sujo de esterco. Carnaval Atendendo a oração de muitos e mais ainda ao avanço de uma outra onda do vírus chinês o governador Ibaneis Rocha(MDB) cancelou o Carnaval de rua no DF. Ontem o vice Paco Britto anunciou não descartar um novo lockdown. "Saúde acima de tudo!"   Evangélicos Viver um paradoxo real é também ato de fé, na proporção em que a falta de Carnaval faz mal ao comércio e ao turismo da cidade, a pandemia do vírus chinês também faz mal à população deixando um rastro de pobreza (desemprego) e morte . O discurso dos evangélicos com referência ao fechamento das igrejas precisa encontrar um ponto de convergência ou

Coluna: Noticias do Planalto Central

Recesso Depois de duas semanas de folga a coluna Notícias do Planalto Central volta no mesmo ritmo da Câmara Legislativa: com muita leitura e atento aos movimentos dos deputados. Assim como muitos deles sedento por informações, já que estão com a boca fechada e não abrem por nada. Nesta fase de negociações os segredos devem ser preservados.  Busca por um partido Nesta toada de observações muitos distritais estão desesperados por um "lugar ao sol". Explico: Muitos dos que hoje são deputados não o serão no próximo verão. Mas não é só por causa das novas regras, a tal clausula de barreira e sim porque muitos dos excelentíssimos deixaram a desejar e são muitos ruins mesmo.  Mulheres Este colunista discorreu a relevância das mulheres nas próximas eleições e destaquei aquelas que irão concorrer à uma vaga de deputada federal. Leia lá .  O jogo muda completamente quando falamos das mulheres na Câmara Legislativa do DF. As distritais que hoje ocupam duas cadeiras poderão ficar ainda