Pular para o conteúdo principal

RODRIGO MAIA NUNCA SERÁ UM BOLSOMINIO, MESMO SENDO ELEITO PRESIDENTE

 
Rodrigo Maia(DEM) poderá permanecer na presidência da Câmara dos deputados frustrando bancada de oposição ao recente empossado Jair Bolsonaro(PSL)

 

RODRIGO MAIA NUNCA SERÁ UM BOLSOMINIO, MESMO SENDO ELEITO PRESIDENTE 

"Falta de opção e realismo", mas eu digo que o chileno, sim chileno naturalizado brasileiro, Maia será uma ferramenta tática com vistas aos objetivos macro e estratégicos do governo, mas também lhe dará um bônus, uma sobrevida política de mais dois anos no protaganonismo do legislativo.

POLÍTICA realmente não é para amadores. O PSL, decidiu que apoiará Rodrigo Maia para Presidência da Câmara. Este é o primeiro teste para a bancada aliada de Bolsonaro, uma vez que é notório que Rodrigo Maia não é aceito, pois é um corrupto e terá seus passos monitorados .

Pois bem, chegou a hora da verdade, quando eu digo que a responsabilidade de mudar esse quadro é da sociedade é mais que correto responsabilizar o eleitor pelos eleitos. Sabem por que Rodrigo Maia está concorrendo a Presidência da Câmara? Porque os cariocas o reelegeram, o que é que esse político ainda está fazendo na vida pública? Esta pergunta deve ser feita diariamente aos eleitores dele. 

O PSL não tem a maior bancada da Câmara dos deputados, terá (a cláusula de barreira fara esse favor à Nação) ou ele se articula, ou a esquerda fará isso, e nenhum projeto do governo de Bolsonaro terá a chance de ser aprovado. Sabemos que quem cria e aprova leis são deputados e Senadores? O DEM partido do Rodrigo tem uma bancada grande assim como o PT tem, se o DEM se alia ao PT adivinha o que irá acontecer? 

De uma vez por todas, seu voto para Deputado e Senador é muito importante, neste momento, entendam ações contrarias à nossa vontade terão de ser feitas até que a sociedade não eleja ou reeleja corruptos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ECONOMIA E A LEI DA ESCASSEZ

Introdução Em Economia tudo se resume a uma restrição quase que física - a lei da escassez, isto é, produzir o máximo de bens e serviços a partir dos recursos escassos disponíveis a cada sociedade. Se uma quantidade infinita de cada bem pudesse ser produzida, se os desejos humanos pudessem ser completamente satisfeitos, não importaria que uma quantidade excessiva de certo bem fosse de fato produzida. Nem importaria que os recursos disponíveis: trabalho, terra e capital (este deve ser entendido como máquinas, edifícios, matérias-primas etc.) fossem combinados irracionalmente para produção de bens. Não havendo o problema da escassez, não faz sentido se falar em desperdício ou em uso irracional dos recursos e na realidade só existiriam os "bens livres". Bastaria fazer um pedido e, pronto, um carro apareceria de graça. Na realidade, ocorre que a escassez dos recursos disponíveis acaba por gerar a escassez dos bens - chamados "bens econômicos". Por exemplo: as 

Processo de Desenvolvimento Organizacional em 4 fases

Diagnóstico - Identificação do problema Através do contato com os dirigentes da organização, são identificados os problemas e as expectativas com relação à resolução dos mesmos.  Na seqüência, se inicia a fase de levantamento.  O objetivo da etapa de diagnóstico é fornecer uma situação inicial da organização. Plano de ação:  A definição do plano de ação ou estratégia de mudança deve se apoiar no diagnóstico realizado.  O plano de ação deve levar em consideração as metas e prazos, as técnicas de intervenção que serão utilizadas, os grupos-alvo e os resultados esperados.   Diagnóstico (Identificação do problema); Plano de Ação (estratégia de implatação); Intervenção (implantação das mudanças); Avaliação e controle Intervenção: A intervenção consiste em um conjunto de atividades previstas para os grupos-alvo.  O sucesso da intervenção depende do acerto da escolha da estratégia.  As atividades de intervenção compreendem também o processo de conscientização

Economia - Função de Oferta

FUNÇÃO DE OFERTA  PODE-SE CONCEITUAR OFERTA COMO SENDO AS VÁRIAS QUANTIDADES QUE OS PRODUTORES DESEJAM, OFERECER AO MERCADO EM DETERMINADO PERÍODO DE TEMPO EM FUNÇÃO DE PREÇO (Px). Seja os dados abaixo uma escala de oferta PREÇO (Px) QUANTIDADE OFERTADA (x) 1,00 1.000 3,00 3.000 6,00 6.000 8,00 8.000 10,00 10.000 OUTRAS VARIÁVEIS QUE AFETAM A OFERTA X= OFERTA Px= Preço do bem ofertado Pi = Preço de Insumos (fatores de produção); T = Tecnologia  X =f (Pi)  à X=f (Px, Pi,T) EQUILIBRIO DE MERCADO A lei da oferta e demanda (procura): Tendência de Equlibrio Pts. PREÇO (Px) PROCURA OFERTA SITUAÇÃO DE MERCADO A 1000 11000 11000 Excesso de demanda (escassez oferta) B 3000 9000 3000 Excesso de demanda (escassez de oferta) C 6000