NÃO ANDE DE FUZIL, VOCÊ VAI MORRER!" (Wilson Witzel)


foto: internet-paulo-chagas-
"NÃO ANDE DE FUZIL, VOCÊ VAI MORRER!" (Wilson Witzel)

Caros amigos
Nenhuma guerra será vencida sem coragem e determinação para fazer o uso da força, em todas as suas gradações.

O que tem ocorrido no Rio de Janeiro e no Ceará, com relação à Segurança Pública, é, sem dúvida, um estado de guerra! Uma guerra que tem que ser vencida para que se estabeleça a paz e, para isso, é preciso vencer o inimigo, desarma-lo e submetê-lo, incondicionalmente, à vontade do poder legal.

Em que pese o sucesso da limitada Intervenção Federal na Segurança Pública do Rio de Janeiro, as experiências de emprego das FFAA na Garantia da Lei e da Ordem (GLO) provam que esta não é a solução. O que se tem visto como resultado, até agora, em curtos e falsos períodos, é o estabelecimento de um “clima de paz” em áreas limitadas, enquanto estas estão abandonadas pelo crime e ocupadas pelas forças militares e policiais.

Nas atuais circunstâncias, tratar bandidos como vítimas e não como inimigos, fortalece o seu moral a cada “pacificação” paliativa. Para que a paz seja estabelecida em bases sólidas e definitivas, é preciso, antes de mais nada, vencer o inimigo e, junto com ele, todos os seus aliados políticos, logísticos e financeiros que só fazem criar condições para desmoralizar as Forças da Lei e dar liberdade e incentivo à sua ousadia!

Enquanto esta guerra não for tratada como guerra, enquanto imperar o medo de assumir a responsabilidade “politicamente incorreta” pelos seus efeitos colaterais, não haverá vitória e não haverá  paz!

O Governador Wilson Witzel, do Rio de Janeiro, está absolutamente correto ao tratar este assunto com a coragem e a determinação de quem admite a gravidade do problema e quer resolve-lo a qualquer custo.

O mesmo já não pode ser dito do petista Camilo Santana, que continua a governar o Ceará, o qual, tão logo foi "surpreendido" pelos suspeitíssimos atos de terrorismo indiscriminado da bandidagem organizada, pediu Intervenção Federal em seu estado, fugindo da responsabilidade que lhe cabe!  

A enganação e a hipocrisia implantados no Brasil pelo PT continuam a imperar no Ceará, enquanto a coragem e a determinação passam a fazer parte da solução definitiva do problema no Rio de Janeiro. São dois exemplos antagônicos que servem para provar o acerto das substituições feitas pelo eleitorado brasileiro!
Tem que dar certo e vai dar certo! 

General Paulo Chagas
Postar um comentário
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial