REAL INTENÇÃO DO PARCELAMENTO DE SALÁRIOS

FOTO: AG. BRASÍLIA - HAMILTON SILVA

Servidor é o responsável

Além de campanha sistemática do governo federal não dilapidação, desvalorização e desmoralização dos servidores públicos, através de mensagens subliminares com uma estratégia de fazer caixa para controlar e dominar o projeto de poder socialista na capital o parcelamento tem o seguinte objetivo final.

Previdência

Instituir um novo sistema para a Previdência para os servidores públicos do Distrito Federal. Ou seja: vem aí aumento de contribuição, de idade mínima dentre outras ações que manipulam os recursos dos servidores.

O governo passa uma mensagem ao contribuinte de que os servidores tem altos salários ao determinar que o parcelamento deverá atingir o valor de R$7.500,00, colaborando com a difamação dos dando a entender que o maior responsável pela ingerência dos montantes são somente os reajustes previstos em lei.

Privatização

De acordo com interlocutores da cúpula do GDF, embora o governador tenha afirmado reiteradas vezes que a Companhia Energética de Brasília (CEB) e a Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb) não sofreriam mudanças no modelo administrativo, são fortes as chances de ao menos a CEB ser privatizada ainda nesta gestão.

Comissionados

Ele já cortou 40% dos cargos comissionados, não deu aumento salarial para servidores e congelou despesas, mas, só a fornecedores, o GDF ainda deve R$ 800 milhões. Algumas administrações regionais, por exemplo, trabalham com a metade do pessoal que tinha no governo anterior, uma parte de comissionados, não tem chamado os concursados doMetrô, por exemplo e catracas estão funcionando bem abaixo de sua capacidade, No entanto, na avaliação do GDF, tudo isso ainda é insuficiente. E é nesse cenário que as novas medidas de contenção dos gastos públicos são gestadas.

Com informações do Correio Braziliense, Jornal de Brasília e Metrópoles


Postar um comentário
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial