GOVERNADORES PÕEM PRESSÃO NO CONGRESSO NACIONAL PARA AGIIZAR AJUDA FINANCEIRA AO ESTADOS

Governadores do Norte, Nordeste e Centro Oeste
Os presidentes Renan Calheiros (PMDB-AL) e Rodrigo Maia (PMDB-RJ) receberam na tarde de ontem no Senado Federal governadores com dificuldades financeiras. Muitos deles quase decretando em estado de emergência. Representantes do Nordeste, Norte e Centro Oeste foram solicitar aos presidentes do Senado Federal e Câmara dos Deputados agilidades na aprovação de projetos que possam dar um respiro aos cofres dos estados.

Três projetos foram listados pelos governantes como questões centrais: o que trata da renegociação das dívidas dos estados e do DF com medidas de estímulo ao reequilíbrio fiscal; o que permite a utilização de depósitos judiciais para pagar dívidas públicas, os chamados precatórios; e o que regulariza — mediante multa — a repatriação de recursos emitidos ao exterior sem declaração.

O governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, pontuou que, apesar de terem feito ajustes fiscais, muitos estados já enfrentam dificuldades para pagar salários em dia. “Claro que isso impacta na prestação de serviços públicos essenciais à população, como saúde e segurança. É uma situação efetivamente emergencial”, cabe pontuar que em entrevista recente aos blogueiros de Brasília o governador ressaltou que as contas não estão mais como encontrou, mas que ainda está com muitas dificuldades para pagar principalmente o funcionalismo público. 



Com informações da Ag. Brasília 
Postar um comentário
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial