Codeplan apresenta estudo sobre Maternidade Tardia

Cresce no DF número de mulheres com maternidade tardia

A Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan) divulga na próxima sexta-feira, 06, às 10 horas, estudo sobre crescimento do número de mulheres brasilienses que tiveram seu primeiro filho entre os 30 e 49 anos.

Segundo o estudo, que tem o período analisado de 1996 a 2013, aponta que a participação percentual de mães primíparas entre 15 e 19 anos diminuiu de 39% em 1996 para 23% em 2013, enquanto o grupo de primíparas, de 30 a 34 anos, subiu de 6% em 1996 para 19% em 2013, seguido das primíparas de 35 a 39 anos, de 2% em 1996 para 7% em 2013.


Postar um comentário
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial