Pular para o conteúdo principal

BOA NOTÍCIA PARA QUEM TEM PLANO DE SAÚDE!




Demorou
Faltava essa iniciativa da ANS (Agência Nacional de Saúde), na verdade já passou do tempo de algo mais drástico ser feito em consolo aos usuários de Planos de Saúde. Há muito tempo que o descaso e morosidade de uma grande parte dessas empresas vem atuando de forma irresponsável e negligenciando a concessão do Estado. Perdoe pelo trocadilho, mas estavam precisando de uma "regulada".

Caso Concreto
Eu mesmo senti na pele por várias vezes o mau atendimento, a falta de autorizações para efetuar procedimentos que teoricamente seriam mais fáceis na rede privada. Tive isso agravado quando meu pai (falecido) teve que ser transferido de hospital por agravamento em seu quadro cliníco. Minha irmã não conseguia a transferência para hospital mais equipado porque a bendita "autorização" não era concedida pelo plano comprado na época. Nos passava a nítida impressão de pouco caso, que depois se confirmara com outras barreiras impostas pela burocracia excessiva e pelo mau atendimento.

Os números
Foram 268 Planos de Saúde suspensos, 37 operadoras e 3,5 milhões de usuários envolvidos. As multas variam de R$80 a R$ 100 para os planos que não atenderem bem seus usuários. São mais ou menos 1000 operadoras e 19% desses mil tiveram reclamções nos primeiros três meses, conforme a ANS. Os Planos de Saúde faturaram no ano passado 84 bilhões de reais aumentando em quase 12% referentes a 2010. 47, milhões de brasileiros tem plano de saúde, dados de dezembro último.

Conclusão
Outro segmento que precisa urgetemente de uma fiscalização mais efetiva da Agência é justamente dos planos odontológicos, pois creio que ficarão ainda mais surpresos com que podem constatar. Com faturamento 18% maior que ano de 2010 esses vem surpreendendo com os mesmos níveis de incompetência dos demais.
Nós, cidadãos, esperamos que essas ações firmes sejam repetidas até diminuírem as reclamações próximas do ZERO.


PRAZOS DE ATENDIMENTO DEFINIDOS PELA ANS SERVIÇO DO BLOG
Serviço Prazo máximo
Pediatria, clínica médica, cirurgia geral, ginecologia e obstetrícia  07 dias
Consultas nas demais especialidades médicas 14 dias
Consulta com fonoaudiólogo 10 dias
Consulta com nutricionista 10 dias
Consulta com psicólogo 10 dias
Consulta com terapeuta ocupacional 10 dias
Consulta com fisioterapeuta 10 dias
Consultas e procedimentos realizados em consultórios ou clínicas com cirurgião-dentista 7 dias
Diagnóstico em laboratório de análises clínicas em regime ambulatorial 3 dias
Demais serviços de diagnóstico em regime ambulatorial 10 dias
Procedimentos complexos 21 dias
Atendimento em regime de hospital 10 dias
Atendimento em regime de internação eletiva 21 dias
Urgência e emergência Imediato
Consulta de retorno A critério do profissional de saúde

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ECONOMIA E A LEI DA ESCASSEZ

Introdução Em Economia tudo se resume a uma restrição quase que física - a lei da escassez, isto é, produzir o máximo de bens e serviços a partir dos recursos escassos disponíveis a cada sociedade. Se uma quantidade infinita de cada bem pudesse ser produzida, se os desejos humanos pudessem ser completamente satisfeitos, não importaria que uma quantidade excessiva de certo bem fosse de fato produzida. Nem importaria que os recursos disponíveis: trabalho, terra e capital (este deve ser entendido como máquinas, edifícios, matérias-primas etc.) fossem combinados irracionalmente para produção de bens. Não havendo o problema da escassez, não faz sentido se falar em desperdício ou em uso irracional dos recursos e na realidade só existiriam os "bens livres". Bastaria fazer um pedido e, pronto, um carro apareceria de graça. Na realidade, ocorre que a escassez dos recursos disponíveis acaba por gerar a escassez dos bens - chamados "bens econômicos". Por exemplo: as 

Processo de Desenvolvimento Organizacional em 4 fases

Diagnóstico - Identificação do problema Através do contato com os dirigentes da organização, são identificados os problemas e as expectativas com relação à resolução dos mesmos.  Na seqüência, se inicia a fase de levantamento.  O objetivo da etapa de diagnóstico é fornecer uma situação inicial da organização. Plano de ação:  A definição do plano de ação ou estratégia de mudança deve se apoiar no diagnóstico realizado.  O plano de ação deve levar em consideração as metas e prazos, as técnicas de intervenção que serão utilizadas, os grupos-alvo e os resultados esperados.   Diagnóstico (Identificação do problema); Plano de Ação (estratégia de implatação); Intervenção (implantação das mudanças); Avaliação e controle Intervenção: A intervenção consiste em um conjunto de atividades previstas para os grupos-alvo.  O sucesso da intervenção depende do acerto da escolha da estratégia.  As atividades de intervenção compreendem também o processo de conscientização

BRASIL É SEXTA ECONOMIA

  A Crise ajuda o Brasil EUA, China, Japão, Alemanha, França, Brasil essa é a nova ordem. Afirma o Centro de Pesquisa de Economia e Negócios do Reino Unido (CEBER, sigla em inglês). A China deverá crescer 7,6% e a Índia deverá crescer 6% o Brasil, segundo autoridades brasileiras deverá crescer em torno dos 3,5% se consolidando como a sexta economia mundial. O Reino Unido só não vai ficar mais desesperado porque a França indica um queda significativa para os próxmios anos. PIB de 2,5 trilhões de dólares A soma de todos os bens e serviços (Produto Interno Bruto-PIB) se mantem entre os maiores mundiais, o contraponto é justamente aquele que o Partido dos Trabalhadores sempre usou como principal bandeira, o social, que precisará de muita atenção da chefe do executivo. Com a decisão de elevar o salário mínimo para R$ 622,00 fará com que se  tenha uma acréscimo de 0,4 pontos percentuais no PIB de 2012. Fato muito importante para a manutenção da política econômica. A indústria