AVALIAÇÃO PARA OS PRÓXIMOS DOIS MESES



BRASIL - Será que é mais um sintoma do aumento do endividamento das famílias e da inadimplência? "Depois de adiar os pedidos em setembro, o varejo agora reduz as encomendas para o Natal. O corte nos volumes de televisores, aparelhos de áudio e vídeo, máquinas de lavar, geladeiras e eletroportáteis varia entre 5% e 10%. A mudança nas expectativas de vendas para o fim de ano ocorreu após a forte desaceleração do comércio varejista depois do Dia da Criança." QUEM tem ações de bancos, administradoras de cartões de crédito e de varejo devem tomar cuidado com a redução do consumo e o aumento da inadimplência... O balanço do Santander e do Bradesco me deixou desconfortável com os detalhes sobre inadimplência de pessoas físicas e devido ao forte incremento das provisões para devedores duvidosos...



Observe a perda de renda dos brasileiros... Esta deve estar afetando bem mais as classes baixas... "A queda no rendimento médio real do trabalhador de 1,8% em setembro ante agosto, a primeira desde abril, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), explica parte da revisão das expectativas dos lojistas."

Expectativa piorando mesmo... "FGV: confiança da indústria cai pelo 10º mês seguido. O Índice de Confiança da Indústria recuou 0,4% em outubro, após cair 1,6% em setembro. O desempenho negativo em outubro foi causado por piora das avaliações em relação ao momento presente." 



RELATÓRIO PROJEÇÃO
Postar um comentário
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial