“Exuberância e complacência são os dois inimigos ameaçando o atual sucesso do Brasil”.



Os comentários de Moisés Naim, importante articulista do Financial Times, sobre nossa política imobiliária são justificados pela ganância excessiva, pela inflação acelerada, consumo e crédito fortalecidos, pleno emprego e empolgação do capital estrangeiro leva a construir uma bomba relógio. Ele sugere que os investidores internacionais  saiam do Brasil antes que a "bolha", que dá fortes sinais de crescer, possa leva-los a uma tragédia já vista na história recente mundial. Moisés Naim conclama a presidente da república atomar iniciativas urgentes para bloquear essa maldita "bolha verde e amarela" .
Postar um comentário
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial